quinta-feira, 10 de março de 2016

VENDA ILEGAL DE ARREBITES: frentistas são presos em Caxias

FOTO: Reprodução - TV Mirante

A polícia prendeu nesta quarta-feira (9), em Caxias, a 360 km de São Luís, oito frentistas de um mesmo posto de combustível suspeitos de vender arrebites para caminhoneiros. Foi a maior apreensão desse tipo de produto já feita na região. Foram apreendidas 45 cartelas de frascos de anfetamina conhecida entre os caminhoneiros como “arrebite”.

Segundo o delegado Regional de Caxias, Jair Paiva, o medicamento é muito utilizado pelos os motoristas com o intuito de evitar o sono durante as viagens nas estradas. 

Ele acrescenta que apenas uma pílula é suficiente para drogar uma pessoa e nas estradas eles sempre apresentam perigo de acidentes.

“A gente sabe que os acidentes na BR eles só fazem aumentar e muitos com envolvimento de caminhoneiros que estão perdendo noites de sono e usam do famoso “arrebite” popularmente falando que é a anfetamina para poder pegar jornadas maiores dirigindo os caminhões e ocasionam acidentes tendo por vítimas eles próprios e pessoas inocentes que trafegam nas BR’s”, explica o delegado.
A polícia apreendeu também estimulantes sexuais. Os estimulantes não possuíam autorização de venda dada pela a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Os frentistas, que foram presos, trabalhavam em um posto de combustível situado a 30 km do centro urbano do município de Caxias. As investigações não apontam para o envolvimento do proprietário do posto.
Os suspeitos estariam agindo de maneira sigilosa. A polícia já estava investigando os frentistas e já sabia que eles tinham transformado o posto em um ponto de venda desse medicamento que é considerado ilegal.
Os oito frentistas irão responder por comercialização ilegal de medicamentos, crime contra a saúde pública que é inafiançável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário